fbpx
O Sem Choro é um Guia Infantil voltado para os pais. A Criança é o tesouro. Nós somos o mapa.

Como o tempo passa rápido. Uma conversa entre pai e filho.

Crônica

A cada ano que passa, temos a impressão que o tempo passa rápido. Cada ano mais rápido. Com tanta informação e tantas tarefas, é natural ter esse sentimento. O Marcelo, meu filho caçula, completa hoje um ano de idade e tivemos uma conversa entre pai e filho bem interessante sobre isso.

 

– Papai, papai. Sabe que dia é hoje?

– Claro meu filho. Hoje você completa 1 ano de idade.

– Isso mesmo. Tô muiiiito animado.

– Eu também. E muito feliz por esse ano que passou. Esse primeiro ano você cresceu muito. Foram muitas fraldas, muitos risos e muitos choros. E nenhuma gripe nem virose. E mesmo que a gente tenha vivido cada momento junto, é como se estivéssemos com o tempo acelerado. Tudo passou muito rápido. Eu e sua mãe encaixamos cada momento do dia para te acompanhar em cada passo.

– Eu sei. As vezes, quando eu acordo de madrugada e vejo que vocês não estão perto, eu me sinto sozinho. Por isso que eu choro. É para chamar vocês. E sempre que aparece ou você ou a mamãe eu fico mais calmo.

– Mas nem sempre volta a dormir né Martelão?

– É porque fico muito feliz quando vejo vocês. E fica uma coisa dentro de mim balançando que não me deixa dormir de novo.

– Eu sei o que é. Você fica agitado por que seu coração bate mais forte. Acontece isso quando estamos felizes.

– Ahhh. É por isso que quando a mamãe chega estou sempre sorrindo? Isso que é felicidade?

– Exato. Essa é uma das formas que a felicidade se demonstra. Existem várias outras.

– Côco  também né? Fico muito feliz quando faço côco.

– Acho que esse é mais alívio. Por falar nisso, de onde saiu aquilo ontem? Meu Deus. Foi difícil trocar, ainda mais com você virando de cabeça pra baixo. Acho que você fica feliz só por ver nossa cara de desespero pra trocar uma fralda cheeeeia de côco. Não é?

– É mesmo! É engraçado suas caretas quando está me trocando. Porque vc faz tanta careta papai?

– Um dia você vai descobrir. Melhor não falar disso agora. Agora precisamos falar de outra coisa. Tive uma conversa séria com o Relógio esses dias. Você já está muito grande e tudo está acontecendo muito rápido. Na verdade nem tudo né? Falar papai não parece nem perto. Mas enfim, o relógio me disse que quando ele foi criado, o ensinaram a nunca olhar pra trás. Pedi, pelo menos, para ele andar um pouco mais devagar, para não ter tanta pressa. Mas ele disse que não ia ter jeito. Que ele já tinha sido alertado pelos seus criadores que todo mundo ia tentar atrapalhar o caminho dele, pedindo para ele voltar no tempo ou andar mais devagar. E a única regra dele seria essa: Sempre pra frente, no mesmo ritmo. O que ele fez foi me dar uma dica: “Separe um tempo só para você”. Disse para eu fazer o que quiser. Mas que seja uma coisa apenas, com exclusividade. Nada de distrações.

– Ahhh, isso ele quer dizer que você não pode ficar no celular e comigo ao mesmo tempo?

– É. Mais ou menos isso. É um bom exemplo. Como temos tão pouco tempo, temos que aproveitar melhor cada momento. Me cobro o tempo inteiro isso filhão. É um pouco difícil porque trabalho em casa. Mas isso não é desculpa. Você está crescendo rápido e quero que praticamente todas as suas memórias tenham eu e sua mãe ao seu lado.

– O João é engraçado né pai?

– Muito. Ele disse esses dias que não consegue ficar um dia sem te ver.

– Gosto muito do meu irmãozão. Não dá pro relógio voltar e fazer o João ser bebê de novo?  Pra gente brincar junto?

– Não dá. O relógio é implacável. Temos que fazer tudo que podemos conforme a velocidade dele. Nesse caso, vocês conseguem brincar juntos também. Você vai ver.

– Essa história de aproveitar os momentos… é por isso que a mamãe bate foto de mim o tempo inteiro.

– Exatamente.

– É por isso que ela gosta de cantar parabéns todos os meses?

– Exatamente.

– Então eu estou fazendo 12 anos?

– Não. Não. Ela fez questão de comemorar cada mês. Para aproveitar esses momentos. Então, a gente comemorou 11 meses. E hoje, é o 12º. Agora sim, você está fazendo um ano. Por falar nisso, vamos embora que temos que acabar os preparativos para mais um parabéns.

– Tá bom papai.

– Feliz aniversário meu filho! Te amo!

Foto: Clicks da Nina

_____

 

Rafael Andrade - Fundador do Sem Choro

Sou Rafa Andrade, fundador do Sem Choro, Empreendedor, Designer Gráfico e Web, Diretor da Agência iMAGON, pai do João e do Marcelo.

Contato: rafael@semchoro.com.br

 

 

Quer receber novidades, cadastre-se abaixo:





Comentários