Parque Guanabara | Parque BH | Portal Sem Choro

O Parque Guanabara começou a surgir ainda em meados da década de 40, o jovem mecânico Paulo Pereira Dias que começava sua longa caminhada no mundo dos Parques de Diversões, no subúrbio do Rio de Janeiro, capital do antigo Estado da Guanabara, trabalhando em um parque de grande porte na época.

Autodidata, em pouco tempo despontou no jovem empresário o talento para criação e construção de equipamentos de diversão, sendo já na década seguinte reconhecido nacionalmente pela qualidade e beleza de seus brinquedos. Seu espírito empreendedor e pioneiro o levou à fundação, em 1951, do “Guanabara Centro de Diversões”, nome que homenageia a terra onde tudo começou.

Como a maioria dos parques de sua época, o Guanabara era itinerante, e esteve em quase todas as cidades de porte (na época) dos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais, levando suas luzes e sua alegria. Chegou a Belo Horizonte em 1964 ficando na Av. Pedro II, em 1967 no B. Carlos Prates e em 1969 no B. Nova Suíça, terminando por fixar-se definitivamente na Pampulha em 1970. A identidade do Guanabara reflete nitidamente a imagem e o espírito de seu criador, com uma preocupação obsessiva com a qualidade do serviço prestado, bem como a segurança, marca registrada da empresa. Os oitenta e três de vida, e mais de sessenta de atuação no setor, deixaram uma legião de amigos e admiradores por todo o Brasil, conscientes que são da grande importância deste pioneiro no desenvolvimento e na história dos Parques de Diversões no Brasil.

Obs.: O parque não cobra valor de entrada. É cobrado o acesso a cada atração individualmente.